Golfinho-pintado-do-Atlântico é encontrado morto em Noronha

41
Foto: Erivaldo da Silva (Nego Noronha)/Acervo Pessoal

Um golfinho-pintado-do-Atlântico foi encontrado morto, nesta terça-feira (24), em Fernando de Noronha. Mamíferos desta espécie, segundo os especialistas, nunca tinham sido observados no arquipélago.

O animal estava na região da ponta da Air France. Ele foi recolhido pelos pesquisadores do Projeto Golfinho Rotador, com apoio de servidores do Instituto Chico Mendes da Biodiversidade (ICMBio) e da Administração da Ilha.

Os estudiosos fizeram registro fotográfico e coletaram dados morfométricos (estudo matemático das formas de objetos pertencentes à mesma população estatística).

Segundo os pesquisadores, o golfinho apresentava pequena lesão na extremidade da mandíbula e hemorragia no ventre. A carcaça foi levada para a sede do Projeto Golfinho Rotador, onde ocorreu a necropsia.

A causa da morte do animal não foi identificada, mesmo após a análise patológica dos órgãos internos. A princípio, a equipe ficou em dúvida na identificação da carcaça, entre as espécies golfinho-pintado-do-atlântico (Stenella frontalis) e golfinho-clímene (Stenella clymene), ambas espécies nunca registradas em Fernando de Noronha.

“Depois de analisar o número de dentes, os pesquisadores concluíram que se tratava do golfinho-pintado-do-Atlântico. O animal era um macho e tinha 2,02 metros de comprimento total”, comentou o oceanógrafo José Martins, do ICMBio.